Estética Vascular

Tratamentos de Vasinhos

Os vasinhos (ou Telangiectasias) são vasos sanguíneos finos e superficiais que carregam sangue venoso e ficam mais visíveis em mulheres a partir da idade fértil. São mais frequentes durante ou após a gestação e geralmente envolvem questões mais estéticas, visto que raramente estão relacionados a doenças.

Os tratamentos mais comuns para esse tipo de incômodo são a escleroterapia com glicose, espuma densa e laser.

Imagem Tratamentos de Vasinhos

Indicação

Tratamentos de vasinhos são indicados para casos em que a paciente deseja melhorar o aspecto estético da pele.

Procedimentos

  • Escleroterapia com espuma densa: consiste em utilizar uma agulha fina para injetar nos vasinhos uma espuma densa esclerosante constituída de polidocanol e ar, que causa um processo inflamatório na parede das veias e faz com que a via se feche. Pode ser realizado em consultório médico, em apenas uma sessão.
  • Escleroterapia com glicose: A glicose, assim como a espuma, também causa um processo inflamatório na parede dos vasos, provocando o seu fechamento. Pode ser realizado em consultório e o número de sessões varia de acordo com a quantidade de vasinhos.
  • Escleroterapia a laser: é feita a partir de energia luminosa focalizada na área que se deseja corrigir. O feixe de laser aquece o vaso, que seca e fecha. Pode ser feito em consultório médico e o número de sessões também varia de acordo com a quantidade de vasinhos.

Nenhum dos procedimentos requer mais do que um dia de recuperação e, em muitos casos, a paciente volta a desempenhar as funções diárias no mesmo dia da aplicação.